Gilberto Brandão Marcon

Escrever é um encontro marcado com a própria alma.

Textos




Trilhas de Silêncio




Quem sabe o relevo
de uma infinita planície celestial,
etérea visão
que confunde a imaginação.
Um ser despojado de seu sólido corpo
que movimenta-se rapidamente
por entre galáxias distantes.
Mensageiro atemporal
que vive a vagar
por entre as esferas planetárias,
luz oculta no escuro.
Energia livre, suave lume
que surge para consolar
as lágrimas dos olhos
que choram tristezas.
Sensação de eternidade.
Todo o longe,
por um limitado instante,
está muito mais próximo.
Distante estão
as grades da prisão corporal.
Foram eliminadas as sombras da clausura,
agora é corpo de luz.
É Luz, eterna Luz.
É santificada e bendita atração,
é chamado de voz
que anuncia-se no silêncio,
e o silêncio tudo diz.
Gilberto Brandão Marcon
Enviado por Gilberto Brandão Marcon em 26/12/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras