Gilberto Brandão Marcon

Escrever é um encontro marcado com a própria alma.

Textos


O Futuro Esquecido

Estou cansado,
Um cansaço maduro,
Que já não aflige, mas reflete,
Sabe da necessidade de continuar,
Mas clama pelo momento de real descanso.
Real descanso? Sabe-se lá se isto existe!
Sei que já são muitos cenários,
Já conheço alegrias e tristezas,
Já adestrei-me a uma lógica de custo benefício.
Sei que não é possível desprezar as necessidades,
Sei que algumas são reais, outras tantas ilusórias.
Sempre haverá a possibilidade de algo pior,
E então a menor desgraça consola a falta de graça.
Não nego, não crítico, quem sou eu para tanto?
Apenas reconheço a minha própria ignorância,
Sou obrigado a concluir que não entendo,
Mas isto é tolice,ante ao mundo dinâmico,
Em que em atropelo, uns tantos nascem,
Outros tantos morrem,
Num saldo em favor dos vivos.
Quebra cabeças de múltiplas peças,
Sobre lágrimas uns tantos sorrisos,
Dentre os momentos de euforia,
E as eufóricas depressões,
Faz o ser, faz o tempo,
Faz-se a história.
Incremente e dita piedosa,
Engano verdadeiro de cada um de nós.
Gilberto Brandão Marcon
Enviado por Gilberto Brandão Marcon em 05/08/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras